Pano P'ra Mangas

{{ show.title }}Trailer Bonus Episode {{ selectedEpisode.number }}
{{ selectedEpisode.title }}
|
{{ selectedEpisode.title }}
By {{ selectedEpisode.author }}
Broadcast by

Summary

O cenário de reflexão é o caminho para as eleições autárquicas. Adelaide Modesto frisa a condição de "viseense e cidadã" para defender a ideia de que "os desígnios para o concelho têm de ser discutidos numa ótica de projeto e não de pessoalização".

Show Notes

Adelaide Modesto frisa a condição de "viseense e cidadã" para defender a ideia de que "os desígnios para o concelho têm de ser discutidos numa ótica de projeto e não de pessoalização". Admite que, "em eleições, ganhar ou perder, é da vida", mas sublinha que o que importa "é fazer a diferença nos territórios", não ignorando que as condições de hoje não são iguais às de há uma década". O centro da discussão, conclui, "deverá estar nas pessoas e não numa coutada como se Viseu estivesse predestinado a ser governado por um proprietário".

What is Pano P'ra Mangas?

Porque há sempre temas que nos passam ao lado mas que podem dar que pensar e notícias do dia que podem ter outras estórias para contar. Todas podem ser o rastilho para pensar diferente. São opiniões que dão ‘Pano p’ra Mangas’.